7 de fevereiro de 2019

Minha Paixão é Ler : Jardim de Inverno - Kristin Hannah - Resenha

blog chuva no jardim

O livro jardim de inverno da autora Kristin Hannah me surpreendeu de diversas maneiras. O enredo dessa história ,que é uma lição de vida , é muito perfeita e cheia de surpresas. Esse é , com certeza, um daqueles livros que você lê e dificilmente esquece , não importa quanto tempo passe.
Devo acrescentar que ele tem alguns pontos a levar em consideração . Por exemplo: Se você tiver em uma ressaca literária não leia. E se você estiver meio deprê também não leia , assim como se você não gostar de dramas e momentos fortes de emoção esse livro não é pra você.

Ainda assim, devo informar ao leitor que toda história que é baseada em fatos reais , onde o personagem compartilha sua dor e experiências vividas , ainda que não seja uma biografia, vale a pena. Você acaba aprendendo a olhar de maneira diferente as pessoas, como se a agonia dela fosse a sua e os medos delas fossem os seus...

A começar pela capa , que é sensacional , posso dizer que esse livro sempre me despertou curiosidade e há muito tempo ele estava na minha lista de espera. Finalmente conheci a escrita de Kristin . Bom , o começo foi difícil , confesso. Livros em terceira pessoa são desgastantes para mim, mas se você ler minhas resenhas vai ver que encontrei exceções.

Jardim de Inverno conta a história de Meredith e Nina , duas irmãs muito diferentes que cresceram sem o amor da mãe - Vera , conhecida pelas filhas por Anya. As meninas tem , por outro lado, o amor incondicional do pai Evan.

Os anos se passam, as meninas crescem . Mere forma sua família , se casando com Jeff ( amigo de infância) e tem duas filhas que vão embora de casa para estudar na universidade. Nina que tem espirito aventureiro, se forma em jornalismo e vive viajando mundo a fora tirando suas fotos que são famosas e premiadas no mundo todo. Mas o que elas tem em comum? A vida sem o amor de Anya e a perda irreparável do pai , que está à beira da morte.

Quando ambas voltam a se encontrar e tem que enterrar o pai , percebem que o convívio com a mãe passa a ser um grande desafio. Mas elas tem uma promessa para cumprir : '' peça para ela contar a história todas...'' esse é o pedido do pai no leito de morte, pedindo para que Anya conte ás filhas, o conto de fadas , que de fadas nada tem.

Quando sobre a dor , a solidão e o sofrimento não pode mais ser suportado, as filhas arrumam uma forma de se aproximar da mãe , fazendo , pela primeira vez, Anya contar a história verdadeira sobre seu passado , sobre Leningrado , na Russia, sobre a guerra e o abandono do povo, sobre mortes e perdas, sobre uma vida inteira destruída.

No comovente discurso, Anya que na verdade é Veruska Petrovna , deixa claro do porque se fechou para o amor das filhas, porque o coração se tornou em pedra e o leitor passa a compreende-la sem raiva e sem julgo, a dor indescritível daquela mulher , conquistando o amor das filhas e criando um novo destino para elas.

'' Não, Não é meu: é de outro esse machucado.
Eu nunca o teria suportado. Então pegue o que aconteceu, esconda e mantenha enterrado.
Afaste a luz...
Noite.''
Anna Akhmatova





Sinopse:

Meredith e Nina Whiston são tão diferentes quanto duas irmãs podem ser. Uma ficou em casa para cuidar dos filhos e da família. A outra seguiu seus sonhos e viajou o mundo para tornar-se uma fotojornalista famosa. No entanto, com a doença de seu amado pai, as irmãs encontram-se novamente, agora ao lado de sua fria mãe, Anya, que, mesmo nesta situação, não consegue oferecer qualquer conforto às filhas.
A verdade é que Anya tem um motivo muito forte para ser assim distante: uma comovente história de amor que se estende por mais de 65 anos entre a gelada Leningrado da Segunda Guerra e o não menos frio Alasca. Para cumprir uma promessa ao pai em seu leito de morte, as irmãs Whiston deverão se esforçar e fazer com que a mãe lhes conte esta extraordinária história.
Meredith e Nina vão, finalmente, conhecer o passado secreto de sua mãe e descobrir uma verdade tão terrível que abalará o alicerce de sua família... E mudará tudo o que elas pensam que são.



Critica:

É um livro um tanto confuso no começo. Para mim, não conseguia compreender o porque Anya maltratava tanto as meninas , deixando marcas profundas. Mas no decorrer do livro , confesso que fiquei abismada, ate deixei derramar lágrimas ao entender o sofrimento que aquela mulher passou. O medo da perda fechou o coração de Anya , mas o amor sempre vence.
O livro conta também um pouco da vida de Mere e Nina , conta sobre o dia a dia , os sonhos e conquistas como uma família comum. É um livro com uma escrita simples , fácil de entender , tranquilo de ler, o enredo é muito bom, e de uma forma ou outra os personagens se completam.
Com uma grande surpresa no final e um Epílogo lindo Kristin fecha o livro com chave de ouro!
Eu amei o livro e indico muito! Vale a Pena cada lágrima perdida.

Sobre o Autor:




KRISTIN HANNAH é autora de mais de 20 livros, que foram traduzidos para 40 idiomas e venderam 15 milhões de exemplares no mundo. Ela largou a advocacia para se dedicar à sua grande paixão: escrever. Pela Arqueiro, publicou O Rouxinol, As coisas que fazemos por amor, As cores da vida, O caminho para casa, Amigas para sempre e Quando você voltar.

Kristin tem um filho e mora com o marido no noroeste dos Estados Unidos e no Havaí.


Nota de 0 a 10: 9.9
Titulo: Jardim de Inverno
Autor: Kristin Hannah
Editora: Novo conceito
Ano: 2010. Publicado em 2013 pela editora
ISBN: 978-85-8163-035-9

12 de janeiro de 2019

Minha Paixão é Ler: Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler - Resenha





Há alguns anos coloquei esse livro no meu kindle com a promessa de lê-lo em breve . Esse breve demorou mais que eu previ. Hoje , porém trago a resenha dele , com muito amor no coração.
Um livro super sensível que me emocionou a cada capitulo. É claro que nem todas as partes nos agradam por completo ( as vezes agrada sim) mas pra mim, teve parte que me deixou chateada ou desestimulada , mas prossegui e valeu à pena no final das contas.

O livro dez coisa que aprendi sobre o amor da autora Sarah Butler , sem duvidas, é um tipo de livro que nos faz pensar na vida , nas escolhas, nos sonhos , no passado e no futuro.

Contando a história de Alice , uma mulher confusa que vivia viajando para vários lugares do mundo, sem parar em casa, pra fujir de quem realmente era e das coisas que a assombravam. Nunca se sentia no seu verdadeiro lar, nunca se sentia como alguém importante pra família , tinha a nítida impressão que alguém escondia coisas dela e achava que não tinha o amor verdadeiro de seu pai.
Mas ela o amava! E foi assim que retornou pra Londres , após saber que seu pai estava morrendo.
Nesse momento aparecem as lembranças, as irmãs que sempre fazem questionamentos, a saudade e o desespero de saber curiosidades e informações de uma mãe da qual ela não se lembrava mais...

No meio de uma Londres fervilhando , existia uma mulher triste, com seu relacionamento mal resolvido com Kal, seu ex namorado e suas duvidas sobre o destino. Nessa mesma Londres, existia um homem que vivia como mendigo, ansiando encontrar sua filha querida  fruto de um amor proibido com a mãe de Alice...

O livro relata , de maneira sensível e detalhista, a busca de Daniel para encontrar Alice. E depois que encontrar, quais serão as estratégias que ele irá usar para se aproximar de uma filha que nunca soube de sua existência?

'' Você não pode sentir saudade de Alguém que nunca conheceu. Mas sinto saudade de Você.''


Blog Chuva No Jardim




Sinopse:

Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e é mais feliz longe de casa sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez da segurança de quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não sente fazer parte. Agora, ela está de volta porque seu pai está morrendo. Alice só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?

Critica:

Daniel é fascinante. Ele desperta tantas emoções em quem está lendo, pois é sensível, honesto, minimalista . Ele conta ao longo da história como foi sua vida, como conheceu Juliane ( mãe de Alice) , conta o que aconteceu no passado... Mas o que me deixou mais intrigada com relação à Daniel é que ele tem um ''dom '' com as cores e correlaciona os nomes, pessoas e situações ás cores. E com isso ele pensa que conseguirá se comunicar com sua filha, mas ela não entende. Interessante.

''Você tem um nome azul...''
''E quais letras são brancas? ''
'' P – Diz ele, P de pai.''

Mesmo debilitado e doente, ele tenta . E com sua sensibilidade ele conquista nossos corações. Consegui sentir a dor de Daniel e tudo o que ele passa como morador de rua.

Alice é bem doida e bem triste por sinal. Mas deu pra perceber o bom coração, tanto que ela se sensibilizou pelos presentes que recebeu de Daniel . Advinha o que era? Só lendo pra saber!!
O que me deu raiva: não terem contado a verdade a Alice. Todos na família dela sabiam a verdade sobre o pai, I'm Sure!

O livro é narrado em primeira pessoa, um capitulo por Daniel, outro por Alice.
E é gostoso de ler ,de fácil leitura.
Esse livro é fofo mas pede (suplica) por continuação, o que não aconteceu me deixando profundamente deprimida...

Eu indico muito a leitura desse livro, mas uma dica galera, esse livro não é um livro pra ressaca literária! Pode te causar uns sentimentos de melancolia e algumas lagrimas.




Nota de 0 a 10: 9
Autora: Sarah Butler
Titulo: Dez coisas que aprendi sobre o amor
Ano: 2015
Editora: Novo conceito Editora
ISBN: 978 85 8163 778-5



TopFive -ChickList



Está bem,está bem! Não vou negar que o blog tem dado ênfase a resenhas literárias , porém sou mulher, não é  gente? ( sim, sou hehe), e como tal ,não posso deixar de ficar deslumbrada com os acessórios de moda e as roupas incríveis da Polyvore ( agora ssense) e da Chickwish .

Fora que a inspiração é sempre perfeita e que as peças apresentadas são lindas demais!
Então, mesmo sem ter feito um post desse já a um tempo , vou apresentar minha wish list, que nada mais é do que a lista dos mais desejados no momento.














Um post simples pra vc se jogar comigo ! Me conta sua opinião!! Qual seu favorito?

beijos <3




7 de janeiro de 2019

10 Poses que poderão deixar suas fotos mais perfeitas!

www.chuvanojardim.com.br




Olá Galera, como estão?
Bom o assunto de hoje não é novidade, mas é tão interessante que queria compartilhar e deixar minha impressão.
Que a postura corporal é importante todos já sabem! Pois:

  • Influencia na coluna, para que você tenha uma saúde melhor e não sinta dores e não tenha problemas piores ( como desvios sérios!)
  • Influencia no mercado de trabalhos, sim mas precisamente naquela entrevista , onde o ‘chefe’ vai estar te observando o tempo todo e pode ter uma ideia equivocada sobre você só por te ver sentada de pernas abertas, por exemplo...
  • Influencia na sua personalidade , em como você se comporta até em relação a moda, por exemplo, seus modos, como você ficaria , se você é mais desleixada ou menos ...


Mas existe 'aquela pose' , um jeitinho certo de parar, sentar e se posicionar para tirar uma foto. Mas, como isso é bastante pessoal, as vezes achamos que estamos fazendo muito bem, obrigada, quando na verdade poderia ficar ainda melhor! E tudo por conta de detalhes bemmm básicos que nem percebemos.

Agora, vem comigo! Vou mostrar as fotos da ‘PosingGuide’ . Podemos notar que por conta de pequenos detalhes as fotos não saem ‘’perfeitas’’. Kk 











Já tinham visto ? Achei super interessante e inspirador até! Quem sabe não me arrisco kkk

Deixe sua opinião.

Um beijo a todos!


2 de janeiro de 2019

Minha Paixão é Ler: Red - T.L Smith - Resenha







No segundo livro da trilogia de T. L.Smith nós vamos acompanhar os altos e baixos da vida e sentir na pele os sofrimentos de Rose.

O primeiro livro acabou superrrr intenso , então se você já leu, sabe do que eu estou falando. E com as tristezas vividas pela personagem principal é que o livro começa de uma maneira nada calma.

Após aqueles anos de sofrimento , muita coisa havia mudado. Black, sem memoria agora era conhecido por Trace. Em novo lugar , mas com pessoas que o conheciam bem. Porém ele de nada se lembrava. Pessoas mal intencionadas o levaram para se aproveitar dos ''dons'' de Black. Havia uma namorada, uns amigos, um estilo de vida. Mas os sentimentos de black falaram mais alto e quando enfim ele vê rose em um discurso para a instituição de caridade que criaram , o coração dele desperta. Black a apelida de Red, devido ao vestido vermelho que ela usava naquela noite, por isso o nome do livro ser Red.

Após o choque de Rose ao vê-lo , e descobrir que de nada ele se lembrava ( nem dos amigos , nem do filho) , ela começa uma jornada para faze-lo se apaixonar por ela novamente , pelo filho e para que ele enfim, voltasse de corpo e alma.

A jornada será grande, muitas coisas acontecem ao longo do livro, mas será que o amor de Rose será grande o suficiente para faze-la mais uma vez lutar por Black?

Muita ação, decepção, curiosidades e descobertas, venha descobrir o que a continuação dessa trilogia nos reserva.



Sinopse:

Uma ferida no coração, um buraco tão fundo. Ele pode ser corrigido? Ou simplesmente substituido?
As pessoas mentem. Aquelas mais próximas a mim, contam a maioria das mentiras.
Elas não sabem quem eu sou? O que eu sou capaz?
Ás vezes me pergunto se elas sabem. Porque quando eu desvendar suas mentiras, eles serão entregues ao inferno que eu uma vez visitei. E não será legal.


Minha Opinião:

O livro tem uma escrita muito boa , apesar de que precisa de umas revisões ortográficas, porém a linguagem é de fácil entendimento.
Gostei do desenrolar da Estória apesar de que ( como em muitos livros) tem aquelas parte em que você acha tudo muito monótono, muito repetitivo até.
O livro acaba prendendo , porque você quer saber o que vai acontecer com o casal. Tem um final arrasador que nos faz querer ler o terceiro livro da trilogia : White.

Só achei que o personagem Black poderia ter menos duvidas e argumentos com relação ao amor da vida dele e família , mas isso , acredito que ocorre por causa da vida sombria de Black.

No geral , teve momentos de altos e baixo, mas indico a leitura.
Black é um personagem que apesar dos pesares, acaba cativando.

Nota de 0 a 10: 8
Titulo: Red
Autora: T.L.Smith
Editora: Independente
Páginas: 173
Ano: 2016

Topo